Como tirar nota 1000 na Redação do Enem?

Como tirar nota 1000 na redação do Enem, que é o exame nacional do Ensino Médio; que conta com a participação de milhares de jovens; que buscam uma vaga no ensino superior gratuito.

Como Tirar nota 1000 na redação do Enem?

A elaboração de uma redação nota 1000 no Enem requer treino e atenção a detalhes; que enriquecerão o texto para garantir uma boa nota nesta etapa da prova nacional:

1-Leitura, o candidato deverá realizar leituras frequentemente para se manter informado; e aproximar o contato com a norma culta da Língua Portuguesa. A leitura garantirá informações da atualidade e argumentos para construção do texto e de uma boa proposta de intervenção.

2-Atenção ao enunciado; pois nele contém as informações necessárias para elaboração do texto;

3-Letra legível, que garantirá limpeza e compreensão do texto pelos corretores da redação; portanto capriche em sua letra;

4-Norma culta, a redação  do Enem será elaborada pela norma culta da língua portuguesa; portanto evite erros de grafia, concordância, gírias ou clichês.

5-Respeito ao tema proposto, pois ele é a referência para escolha dos argumentos do texto, portanto leia a proposta e grife as palavras mais importantes. A fuga ao tema será um dos motivos para zerar a redação;

A prova de redação do Enem, conforme informações do MEC,  é do tipo dissertativo-argumentativo e o tema; geralmente é de ordem social, científica, tecnológica, ambiental, cultural ou política.

6-Treino, que dará ao candidato confiança e experiência para escrever uma boa redação. O estudante poderá treinar com temas de vestibulares ou Enem anteriores para exercitar a capacidade de escrever e argumentar sobre os diversos assuntos.

Redação dissertativa-argumentativa

O modelo de redação dissertativa-argumentativa é o mais pedido pelas instituições e composto por ter três partes essenciais:

1- Introdução

Apresentação do assunto que será discutido ou argumentado no texto. Geralmente exposto em apenas um parágrafo.

2- Desenvolvimento

Poderá ser elaborado em 3 parágrafos com argumentos e contra-argumentos convincentes e verdadeiros.

3- Conclusão

Utilização de um parágrafo para responder ou concluir a introdução sintetizando as ideias. Trata-se de um resumo da dissertação.

Abaixo as competências que são avaliadas na Redação do Enem, conforme cartilha do MEC:

1) Domínio da norma padrão da língua portuguesa

Neste item entram em cena os conhecimentos que o candidato dispõe acerca de todas aquelas regras gramaticais, levando em consideração alguns critérios relacionados à ortografia, concordância, regência, conhecimento dos fatores relacionados à semântica das palavras, lembrando que semântica diz respeito ao significado que elas (as palavras) representam, entre outros. Vale destacar que o candidato deverá lembrar das novas mudanças que se operaram em decorrência do Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

2) Compreensão da proposta de redação

Para iniciar a organização das ideias, é essencial que o candidato compreenda perfeitamente o que requer a proposta sugerida; ou seja, o tema a ser desenvolvido. Dessa forma, leia-a prestando bastante atenção, pois é a partir dela que terá condições de elencar, de organizar todos os aspectos a serem abordados, condizentes com o assunto em discussão;

3) Seleção e organização das informações

Nesta competência o principal ponto a ser discutido diz respeito ao fato de que as opiniões do candidato é que estarão em jogo, mas não aquelas que o candidato acredita serem válidas. Assim, torna-se muito importante que no momento de argumentar, o faça com base em fatos concretos, sólidos, que realmente apresentem fundamento. Quando se fala em fatos concretos, quer dizer que não são fatos retirados do além; muito menos com base nas verdades coletivas, tampouco nos “achismos”. Tudo que escrever precisa estar arraigado em algo verdadeiramente comprovado; por isso, nada melhor que se apoiar em dados estatísticos, alusões, comparações e contrastes, fatores relacionados à causa e consequência, enumeração e citação de testemunho.

4) Demonstração de conhecimento da língua necessária para argumentação do texto

A redação do Enem deverá ser um dissertativo-argumentativo; no qual as ideias precisam, além de sólidas; estar bem articuladas, organizadas por meio de parágrafos bem construídos e, sobretudo, que o texto obedeça a um encadeamento definido por uma introdução, um desenvolvimento e uma conclusão;

5) Elaboração de uma proposta de solução para os problemas abordados, observando preferencialmente os direitos humanos

Ao abordar os aspectos relevantes à proposta, certamente deverá ter levantado alguns aspectos voltados para uma problemática, para um fato passível de ser solucionado. Nesse sentido, ao concluir o texto, uma das melhores formas de arrematar, fechar as ideias, é apresentar uma solução para tudo aquilo que foi amplamente discutido. Como deve ter argumentado da melhor forma possível, certamente não encontrará nenhuma dificuldade para fazer isso.

O desrespeito aos direitos humanos não zera a redação do Enem; mas fará o candidato perder pontos. Portanto, analise se a proposta não incita ódio, preconceito ou crime.

Como a Redação do Enem é corrigida?

Conforme informações do Inep, cada avaliador atribui uma nota entre 0 e 200 pontos para cada uma das cinco competências. A soma desses pontos é o que compõe a nota total de cada avaliador, que poderá chegar a 1.000. A nota final do participante será a média aritmética das notas totais atribuídas pelos dois avaliadores.

Ainda conforme o Inep, se houver discrepância entre as notas atribuídas pelos corretores; e elas diferirem em mais de 100; ou se diferença for superior a 80 pontos em qualquer uma das competências; a redação é avaliada, de forma independente, por um terceiro avaliador. Nesse caso, a nota final será a média das duas notas totais que mais se aproximarem.

5 (100%) 1 vote
0 comments… add one

Leave a Comment